A política como violência

  • Gabriel Feltran
Palavras-chave: Política e violência, Jair Bolsonaro

Resumo

O ensaio pensa a política contemporânea em três movimentos. No primeiro, relaciona desigualdade, humilhação e violência a partir de roteiros bem sucedidos nos últimos anos. No segundo, pensa a força centrípeta que, no Brasil, construiu a ascensão de Jair Bolsonaro. No terceiro movimento, essa mesma força centrípeta é vista a partir da liberação das polícias para fazer política. O rebaixamento da política à violência alinhava os três movimentos do ensaio.

Publicado
2021-12-31
Seção
Documentos